O que é possível automatizar em casa? Conheça as 5 opções fáceis de se fazer

Cada vez mais as pessoas buscam por formas de conseguir automatizar em casa diversas tarefas ou funções, tornando suas vidas mais práticas e fáceis.

Em meio a isso, é comum que perguntem: mas o que é possível fazer de automação residencial? Quais são aquelas opções mais fáceis?

Se você está começando agora a tornar sua casa inteligente, então é normal que tenha esse tipo de dúvida e o objetivo desse artigo é ajudá-lo a entender melhor sobre o tema.

Não deixe de acompanhar esse texto até o final para saber o que automatizar em casa, evitando a necessidade de repetir tarefas diárias constantes, economizando tempo.

O que automatizar em casa? Conheça as principais opções!

As opções são diversas, porém com os tópicos que separamos, a tarefa de automatizar processos residenciais será muito mais simples.

Confira algumas ideias interessantes e importantes.

1 – Uso de fechaduras por biometria

Um dos maiores problemas enfrentados por grande parte das pessoas, nos dias atuais, é perder as chaves de casa, o que pode ser um enorme transtorno.

Em alguns casos, por exemplo, é preciso fazer a mudança da fechadura completa, o que traz gastos a mais para você.

Sendo assim, é possível automatizar em casa a sua fechadura, colocando o acesso por biometria, o que não só torna mais prática a entrada e a saída, como também mais segura.

Inclusive, muitas empresas de segurança indicam o uso de fechaduras por biometria, evitando assim que pessoas venham a invadir a residência com mais facilidade.

É possível, ainda, que você estabeleça quais são os horários em que a biometria está autorizada na sua casa, o que dificulta o acesso a tentativas de invasão.

Além disso, caso alguém coloque uma digital não reconhecida, um alerta será enviado ao seu perfil, facilitando que você possa acionar a segurança ou a polícia.

2 – Uso programado da temperatura

Outra opção para automatizar em casa é o uso programado da temperatura, que permite você, por exemplo, defina horários em que o ar condicionado possa ser ligado ou desligado.

Essa opção de automação residencial irá impedir, por exemplo, que você venha a correr o risco de esquecer o aparelho ligado e gaste muita energia.

Outro cenário possível é realizar a programação de acordo com a temperatura ambiente, ou seja, definir uma temperatura a partir da qual o ar pode ligar, bem como que ele pode ser desligado.

Além da opção do ar condicionado, a mesma situação vale para o aquecedor, caso você tenha um em casa, que também pode ser controlado por horário ou pela temperatura ambiente.

Você pode, ainda, fazer uma integração do sistema de temperatura com o de iluminação, o que é uma boa opção.

3 – Uso programado da iluminação

Uma terceira opção do que automatizar em casa é o uso programado da iluminação, que pode ser definida de acordo, por exemplo, com cada ambiente.

Com isso, você pode tornar ainda mais a sua casa inteligente, pois pode fazer programações, como reduzir as luzes para não prejudicar a televisão, ou deixar as luzes sobre a mesa de jantar ligadas.

Vale ressaltar que é uma outra opção de automação para evitar que gaste energia em excesso.

4 – Uso das torneiras via toque

Mais uma dica do que automatizar em casa, permitindo que seja feita uma grande economia, é o acionamento das torneiras por meio do toque.

Ao fazer isso, você garante que não há o risco de deixá-las abertas, em caso de esquecimento, o que pode fazer com que a sua conta de água venha a subir bastante, além do desperdício, é claro.

Ao utilizar essa opção de automação residencial, basta colocar suas mãos embaixo da torneira e ela irá ser acionada de imediato, durante um período de tempo específico.

Ainda é possível realizar a integração dessa opção com outras relacionadas ao banheiro, como também acionar a iluminação, no espelho da pia, por meio do toque.

Desse modo, não é mais preciso ficar procurando pelo interruptor do local, já que a casa inteligente se encarrega de fazer a iluminação.

5 – Uso de sistema de alarme sem fio

Hoje em dia, é possível automatizar em casa o sistema de alarme, que funciona sem fio, permitindo uma maior facilidade, sendo que você mesmo pode instalar.

Para isso, tudo o que você precisa fazer é colocar os sensores de presença e de abertura nos locais indicados, que são as portas e as janelas da sua residência.

A partir daí, o próximo passo é escolher um local para ficar a central, ajustar o volume que as sirenes irão tocar, em caso da tentativa de invasão e da ativação do alarme.

Todo o controle do sistema de alarme sem fio pode ser realizado diretamente pelo seu smartphone, mostrando o quão cômodo é essa opção de automação residencial.

Caso você opte por um tipo de sistema que funcione sem internet, é possível ser acionado, em caso de ativação do sensor, por meio de SMS.

Conclusão

Como você viu, hoje em dia é cada vez mais comum as pessoas desejarem automatizar a casa com diversas soluções, facilitando assim a vida delas. 

Neste texto, mostramos algumas dessas opções mais comuns e práticas no dia a dia, como a automatização residencial da iluminação, da temperatura e do alarme.

Gostou do artigo de hoje sobre o que é possível automatizar em casa? Se você ficou com alguma dúvida sobre esse assunto, escreva-a abaixo nos comentários para que eu possa ajudá-lo.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *