Tendências de mercado e soluções de automação Industrial

A automação industrial é parte do conceito da quarta revolução industrial ou se preferir, indústria 4.0, é com ela que a indústria busca alcançar mais resultados em menos tempo e com menor esforço.

2021 é um ano que traz bastante esperança, afinal, fábricas ao redor de todo o planeta foram impactadas pela pandemia do Coronavírus, tendo que reduzir sua produção, o que reflete em estoques menores de produtos com alta demanda. 

Nem mesmo gigantes da tecnologia escaparam disso, a exemplo da Sony, que depende de chips da AMD para fabricar seu novo PlayStation.

A indústria de eletrônicos não é a única que está enfrentando problemas, e a depender da escala de produção, do porte e do segmento, a automação industrial pode mitigar e até eliminar boa parte dos impactos dessa nova crise. 

Com isso, os olhares de quem ainda não se entregou à indústria 4.0 se voltam para a automação industrial como uma possível solução. 

O que é automação industrial?

Aquela ideia de uma fábrica futurista com maior conectividade, já não remete ao futuro, é algo bem presente, mas também alvo de bastante descrença e preocupação. 

Não se trata de um exército de robôs controlando toda a produção de uma empresa, acabando com empregos, e em algum momento, se voltando contra a humanidade.

Ficção e Skynet a parte, a automação industrial faz parte da vida de milhares de pessoas, cada vez mais, e não dispensa o uso da supervisão humana. 

Sim, a ideia por trás dessa transformação é suprimir parte da operação dos trabalhadores, e com isso, reduzir custos ao mesmo tempo que aumenta a produtividade.

Na automação industrial:

  • Máquinas realizam boa parte ou todo o trabalho operacional;
  • As próprias máquinas verificam seu funcionamento e transmitem informações importantes ao gestor humano ou operador;
  • Medições e correções são realizadas automaticamente;
  • É dispensado o apertar de múltiplos botões, uso de alavancas e toda aquela correria no chão de fábrica, quando algo dá errado;
  • O desperdício de matéria-prima é consideravelmente menor;
  • O uso da mão de obra também é reduzido.

Com isso, a parte humana permanece, pois é preciso ter alguém cuidando da operação delas e controlando a produção, algo que é possível por meio das IHM (interface homem-máquina), telas que controlam todo o trabalho com apenas alguns toques.

Robôs? Sim, por favor

Os robôs são amigos e vieram para ficar. Temos de aprender a dividir nosso espaço com as máquinas e entender que elas não estão aqui para nos substituir. 

Sendo assim, as funções mais básicas e operacionais tendem a ser absorvidas por braços mecânicos e outros robôs, o que demanda maturidade e desenvolvimento por parte de trabalhadores e empresas.

Aqueles que já possuem conhecimentos estratégicos podem usar as novas tecnologias para impulsionar o próprio trabalho, trazendo mais resultados e produtividade para dentro dos negócios.

Tecnologia “invisível”

Quando pensamos em automação industrial, automaticamente lembramos das imagens reais e de ficção, onde robôs controlam fábricas inteiras e produzem em uma velocidade incrível. 

No entanto, não é só na robótica que a automação industrial é próspera.

A Wi2Be é uma empresa brasileira que trabalha exclusivamente com soluções “invisíveis”, focadas na transmissão de dados, tanto para comercialização quanto para locação.

São justamente essas soluções que tornam a automação industrial possível em muitas empresas Brasil afora.

Indústrias químicas, grandes farmacêuticas e petroquímicas usam sistemas, controles de temperatura, transmissores de pressão, vazão e muitos outros para controlar o trabalho e enviar informações-chave aos superiores humanos. 

É algo que passa despercebido por quem entra no ambiente onde o trabalho é realizado, mas está lá e automatiza várias funções.

Veja também, O QUE É O RADIO ENLACE DIGITAL?

Quais as vantagens da automação Industrial?

Entenda quais são as principais vantagens dessa inovação: 

  •     Mais produtividade;
  •     Maior assertividade;
  •     Muito mais economia;
  •     Reduz o tempo de produção;
  •     Pode operar 24h;
  •     Aumenta a qualidade do trabalho;
  •     Escalabilidade.

Modernizar sua indústria é fundamental. Seus concorrentes já estão estudando as possibilidades para os próximos anos, e muitos deles, provavelmente, já usam algum grau de automação industrial.

Logo, adaptar-se é uma questão de sobrevivência. Os impactos dessa transformação são bastante positivos, e alguns podem ser sentidos a curto prazo.

A economia, por exemplo, é uma das maiores vantagens, e é algo que chega a partir do momento em que a indústria não precisa contratar os melhores operadores de maquinário para trabalharem no chão de fábrica. 

É preciso ter apenas um supervisor e uma equipe reduzida (isso pode variar de acordo com suas necessidades).

O que esperar do mercado de automação industrial para os próximos anos?

Após entender mais sobre o tema, é possível manter em vista as mudanças e avanços que estão por vir, confira alguns abaixo:

Realidade aumentada

A realidade aumentada traz inúmeras possibilidades para a automação industrial. 

Hoje, controlamos tudo por intermédio de uma tela, onde recebemos os relatórios e informações importantes das máquinas. 

No entanto, com a aplicação de novas tecnologias, podemos conferir tudo por meio de um visor ou óculos, além de outros dispositivos. Basta haver a necessidade e a usabilidade para tal inovação.

Internet das Coisas e acesso remoto

A Internet das Coisas é algo que finalmente vem ganhando forma fora de grandes corporações, e faz total sentido ela estar ligada à automação industrial e ao acesso remoto. 

Com isso, é possível controlar vários dispositivos de uma só vez e até mesmo permitir que técnicos e operadores cuidem do trabalho à distância, em qualquer lugar do planeta, bastando apenas uma conexão segura à internet.

A Dakol, por exemplo, é uma das pioneiras em automação industrial com IoT (Internet of Things), entre muitos outros produtos e soluções que tornam mais produtiva e prática a rotina das indústrias.

Outra possibilidade para o futuro da automação industrial é o aumento do uso do Cloud Computing. 

A Nuvem permite escalar o trabalho sem precisar de uma enorme estrutura física para guardar os dados. 

Com isso, a indústria ganha em flexibilidade e economiza um bom dinheiro, que outrora seria destinado a aquisição de servidores poderosos e de espaço físico para guardá-los.

Robôs AMR

Hoje, ainda precisamos de pessoas para mover equipamentos e produtos para a indústria.

No entanto, com os robôs AMR, é possível transportar cargas, matéria-prima e outras máquinas em menos tempo e com maior segurança.

Isso é possível porque os robôs AMR mapeiam o ambiente e determinam o caminho mais rápido, prático e seguro para transportar algo, facilitando a tarefa e reduzindo os custos da mesma.

Quais empresas trabalham com automação Industrial?

Como já citado no texto essa tecnologia não é algo tão recente, por isso é possível encontrá-la em algumas empresas, entre elas:

  • Indústrias automobilísticas;
  • Indústria química;
  • Indústria de papel;
  • Indústria de mineração;
  • Petroquímicas;
  • Indústria de embalagens;
  • Indústria de ar-condicionado e refrigeração.

Portanto, para qualquer empreendedor que queira superar as barreiras e se manter sempre a par com os avanços, investir nesses recursos é um bom caminho para o sucesso.

 

Vantagens da tecnologia 4.0 para a indústria de fabricação de ar-condicionado

A tecnologia 4.0 chegou para ficar, e com a indústria de fabricação de ar-condicionado, não é diferente. 

Continuar lendo Vantagens da tecnologia 4.0 para a indústria de fabricação de ar-condicionado

Sistema hidráulico industrial: O que é preciso saber

Os sistemas hidráulicos, basicamente, são sistemas responsáveis por transferir energia por meio de pequenos tubos ou mangueiras, sendo de extrema importância em processos industriais, como a fabricação de ferramentas e a montagem de automóveis, por exemplo.

Continuar lendo Sistema hidráulico industrial: O que é preciso saber

Conheça o grande show do agronegócio brasileiro

O agronegócio brasileiro continua a dar o seu show. Em 2019, a safra de grãos do Brasil bateu recorde de 242,1 milhões de toneladas, de acordo com os dados da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab).

Continuar lendo Conheça o grande show do agronegócio brasileiro

4 tendências da indústria 4.0

O termo indústria 4.0 foi usado pela primeira vez em Hannover, na Alemanha, durante uma feira de tecnologia. Desde então, tornou-se bastante conhecido, e molda a indústria do futuro. Para te ajudar, listamos 4 tendências da indústria 4.0 para você ficar de olho.

Continuar lendo 4 tendências da indústria 4.0

Como a Automação Industrial pode melhorar a eficiência de sua empresa e reduzir custos

O novo conceito da “Indústria 4.0” diz respeito às Fábricas Inteligentes e suas atribuições em máquinas com características surpreendentes Continuar lendo Como a Automação Industrial pode melhorar a eficiência de sua empresa e reduzir custos

E-commerce na indústria: saiba escolher a plataforma certa

A indústria está mais visível do que nunca. Grandes empresas, que até há pouco eram apenas fornecedoras de matéria-prima, bens e produtos, hoje desejam sair de trás das cortinas e se fazerem vistas perante o consumidor.

Continuar lendo E-commerce na indústria: saiba escolher a plataforma certa