Renegociação de dívidas: entenda o básico para começar

Milhões de brasileiros perdem o sono por causa de dívidas pendentes. Estima-se que quase 65 milhões de pessoas no país tenham algum débito aberto, ficando com o nome sujo. Isso impede que a pessoa tenha acesso a um novo crédito pessoal, por exemplo.

Felizmente, esta é uma situação que pode ser revertida. Renegociar suas dívidas permite que você possa honrá-las de uma maneira que atenda melhor à sua situação atual. Conheça algumas medidas que você pode aplicar abaixo.

Conheça a dívida atual

O primeiro passo para renegociar as contas pendentes é tomar conhecimento da dívida atual. Veja qual é o valor que você deve e procure entender como ele se formou: compras desnecessárias, imprevistos, como reformas, emergências ou diminuição de renda, uso descontrolado de cheque especial e cartão de crédito?

Isso é importante para que você possa identificar quais mudanças são necessárias na sua residência para não repetir esse quadro. Converse de maneira franca e clara com sua família, deixando todos informados sobre a situação atual e o que precisa ser alterado na rotina familiar para reverter a situação.

Renegocie com os credores

Ambas as partes têm interesse na quitação da dívida. Por isso, é possível encontrar formas de renegociar suas contas com descontos e condições especiais, que facilitem esse pagamento. Taxas de juros menores e mais tempo para pagar são algumas das alternativas oferecidas pelos credores.

Converse com o gerente do seu banco para encontrar a alternativa que melhor permite o pagamento das pendências. Proponha soluções compatíveis com sua realidade. Você também pode ir em feirões de negociações, que contam com boas condições, ou mesmo utilizar o serviço de renegociação on-line.

Analise formas de pagamento

Dependendo do montante que se deve, é possível pagar a dívida à vista, contando até com um desconto, de forma que você se livra dela de uma vez. Entretanto, se essa opção implica que você contraia outro endividamento, como um empréstimo, por exemplo, então, opte pelo pagamento parcelado.

Nesse caso, o número de parcelas e o valor de cada uma delas deve ser condizente tanto com a sua renda, quanto suas despesas essenciais. Avalie qual é a condição que melhor atende à sua necessidade, contando que ela tenha uma taxa de juros acessível.

Estruture suas finanças

Este é um dos passos mais importantes. Sabendo a quantia que você deve pagar e quanto isso irá lhe custar por mês, procure estruturar suas finanças para que você honre o pagamento da dívida. Portanto, faça um levantamento da sua renda mensal e do total que você gasta.

Contabilize todas as suas despesas, iniciando pelas mais importantes: contas de água, luz, internet, aluguel, compras de supermercado, gasolina, condução e mensalidade escolar. Também coloque no papel os demais gastos, como lazer e serviços de streamings.

A partir desse levantamento, corte aquilo que é desnecessário ou não é prioridade no momento. Além das contas essenciais, o pagamento das parcelas deve ser priorizado, sem atrasos, para que você não tenha que lidar com multas.

Atenção especial para aquelas despesas mais supérfluas. Um lanche fora de casa ou uma viagem via aplicativo para algum lugar, que poderia ser feita com transporte público, são algumas delas. Tratam-se de gastos que parecem pequenos, mas, no final do mês, fazem uma grande diferença no bolso.

Priorize dívidas mais caras

Se você tiver mais de uma dívida pendente, primeiro, procure sanar a que tem um valor maior. Normalmente, elas são as que geram juros mais altos e, quanto mais forem adiadas, mais difícil será pagá-las no futuro. Também procure priorizar dívidas envolvendo serviços essenciais, como água e luz, por exemplo, e tomada de bens, principalmente, de moradia.

Evite compras desnecessárias

Até que você se desafogue financeiramente, procure não fazer compras desnecessárias, caso você não precise adquirir novas roupas ou trocar de celular  urgentemente. Resista aos descontos tentadores desse tipo de compra, pois, ele pode comprometer as finanças da casa.

Texto: Gear Seo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *