Conheça os diferentes tipos de internet e como eles funcionam

Existem diferentes formas para a internet chegar à sua residência. 

Dependendo da localização, da velocidade e da disponibilidade de sinal da operadora, há formas mais efetivas de garantir a estabilidade e a velocidade da conexão. 

Para ajudar, selecionamos alguns pontos importantes que todo usuário deve saber sobre cada forma de conexão.

Quais são os diferentes tipos de internet?

No caso da internet banda larga,  é possível conectar via cabo telefônico, cabo de alta velocidade e fibra ótica, como o caso da Vivo Fibra, quando ela estiver disponível.

Para lugares mais remotos, existem diferentes opções: a internet via rádio e a internet via satélite podem ajudar e muito a tornar a conexão mais acessível e estável. 

Principalmente onde a internet a cabo ainda não existe ou tem velocidade muito reduzida por conta de interferências.

Por isso é muito importante saber qual oferta cada operadora tem e se há possibilidade do plano ser mais eficiente. 

Também vale analisar se há uma conexão de menor custo, quando você opta por um plano que mais se adeque à sua utilização.

Para fazer a escolha pelo melhor plano em sua situação, é importante saber as vantagens e as desvantagens de cada modalidade de conexão e se elas se adequam ao que você está procurando. 

Internet Banda larga

Hoje, de acordo com pesquisa realizada pelo IBGE, cerca de 78% das residências brasileiras são contratantes do serviço de banda larga fixa

Isso significa uma internet mais estável e uma frequência mais adequada para o uso contínuo para lazer, estudo e/ou trabalho.

Em oposição à antiga internet discada, a internet banda larga oferece um padrão de qualidade mais estável

Já perante a internet banda larga móvel, a versão fixa, ou seja, que se conecta ao modem de casa, oferece um sinal mais compatível com uso dos computadores.

É possível contratar planos de diferentes velocidades e, dependendo de sua região, a transmissão de dados utiliza diferentes tecnologias, como a Oi internet, que utiliza fibra ótica ou cabo.

Internet via DSL

DSL é a conexão via cabo telefônico

Muito comum pelo Brasil, essa modalidade tem uma instalação baseada na transmissão de dados das operadoras telefônicas: isso significa que o modem além de transmitir as informações de ligações também transmite a conexão com a internet, via cabos tradicionais.

Apesar de geralmente ter um custo baixo, essa modalidade não oferece boas velocidades

Assim, para usos robustos de conexão, não é a ideal. Mas vale ressaltar que, ao contrário da internet discada, ela não ocupa a linha telefônica e é mais estável que as redes móveis.

Internet via Cabo

A internet a cabo é baseada nos fios de conexão de TV a cabo, ou seja, informação digital. 

Ao contrário da DSL, ela não envolve transformação analógico-digital de informações, permitindo maiores velocidades. É oferecida por todas as grandes operadoras.

Geralmente a internet banda larga a cabo possui planos com diferentes velocidades e também faz parte de combos promocionais com TV e telefone fixo das operadoras.

Internet via Fibra ótica

A tecnologia mais moderna é a fibra ótica. Ainda disponível somente em algumas cidades e regiões do Brasil, essa modalidade é superior aos cabos por evitar interferências. 

Esses fios transmitem informações de forma digital e ultrarrápida, o que auxilia usuários que precisam de conexões mais potentes com poucas perdas, como quem trabalha com transmissão de dados pela internet. 

Internet via Rádio e satélite

As modalidades de internet via rádio ou via satélite são menos conhecidas, mas não menos importantes. 

Em lugares com menos disponibilidade de redes fixas estáveis, a transmissão por antenas ainda é fundamental.

Zonas rurais, em que o cabeamento não é viável ou até existe, mas é prejudicado por interferências do tempo, têm nessas conexões o acesso mais facilitado.

A conexão via rádio utiliza antenas para transmitir informações. Ao contrário da internet de internet a cabo ou fibra, não garante altas velocidades, mas é uma forma geralmente mais acessível de se conectar.

Já a internet via satélite tem velocidades mais altas. Ela funciona como TVs de antena parabólica. 

Apesar de exigir investimento no equipamento, ela não depende de fatores como infraestrutura da região. Pode ser muito funcional em zonas rurais e remotas.

Internet móvel

A internet móvel é a favorita dos usuários brasileiros. 

Acessível por uma grande variedade de operadoras, como Oi Internet Móvel, TIM, Claro e Vivo, é possível contratar planos com diferentes franquias de dados e preços. 

Apesar da popularidade das redes móveis, elas têm uma desvantagem em relação à internet banda larga fixa: a franquia de dados pode ser limitada e, ao ultrapassar o plano contratado, os custos sobem rápido. 

Como descobrir qual é a sua conexão?

Para saber qual é o modo de transmissão de dados de sua internet banda larga fixa, é bem simples: basta entrar em contato com a operadora e perguntar. 

Em muitos casos, com a modernização do cabeamento, você poderá encontrar uma forma mais rápida de se conectar sem aumentar os custos.

Cada vez mais as operadoras investem em instalações de fibra ótica em centros urbanos, o que permite que usuários de cabos tenham sua estabilidade melhorada. 

Já para quem utiliza internet via DSL, modems modernos evitam a perda de conexão por utilizarem tecnologia digital.

Se você encontra interferências ou queda na qualidade de sua conexão, principalmente na hora de fazer downloads ou uploads, vale a pena entrar em contato com a operadora e analisar se existe um plano que faça mais sentido para sua casa.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do Minha Conexão, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *