6 dicas para economizar na viagem de férias

O ano de 2020 tem sido um período bastante desafiador e estressante para várias famílias. Por isso, planejar a viagem no fim dessa etapa pode ser o alívio emocional de que muitos precisam para encarar 2021 com energia renovada.

No entanto, o câmbio está desfavorável para uma viagem internacional. Assim, muitas famílias têm receio de viajar e acabar comprometendo o orçamento. Felizmente, com nossas dicas, você conseguirá viajar sem gastar muito!

Com organização, que começa desde a seleção do destino até a escolha de onde se hospedar e quais passeios fazer, é possível poupar dinheiro e descansar em algum lugar bacana.

Pesquisa

Nós vivemos dizendo que viajar demanda organização e pesquisa, certo? Para quem não quer gastar muito, esse item se torna ainda mais fundamental.

Planeje a viagem com antecedência, gastando o mouse ao pesquisar pacotes, hotéis, pousadas e passagens para saber qual é a melhor época para visitar aquele local.

Também descubra se a viagem pode ser parcelada. Às vezes, essa é uma boa maneira de visitar um local diferente sem comprometer o orçamento mensal.

Destino

Viajar na alta temporada é sinônimo de preços mais altos. Então, se o objetivo é sair um pouco de casa e não gastar muito, avalie se a viagem pode ser feita em outra época do ano. Se isso não for possível, você pode buscar por destinos alternativos, ainda pouco conhecidos e visitados pela maioria dos turistas.

Enquanto todo mundo vai para a praia no fim do ano, por exemplo, aposte nas cidades do interior e troque as sete ondinhas por um banho de cachoeira para trazer boa sorte para o novo ano que vai iniciar. Cidades menores também podem ser bastante divertidas, econômicas e seguras, uma vez que não tendem a ter tanta aglomeração de pessoas.

Bagagem

Quem vai viajar de avião pode economizar dinheiro ao levar apenas a bagagem de mão, sem precisar despachar nenhuma mala. Isso pode ser desafiador, mas, acredite, cada centavo pode fazer a diferença no orçamento, e você pode usar esse dinheiro com algo mais divertido, como um passeio, por exemplo.

Hospedagem

Um resort cinco estrelas, com todas as refeições inclusas, é o sonho de consumo de muitos turistas, mas uma semana de estadia por lá pode custar mais que o salário inteiro de muitas famílias. Portanto, deixe o preconceito de lado e avalie hospedagens alternativas, como hostels e até quarto em casas de família.

Se o objetivo da viagem é passear bastante e usar a hospedagem apenas como um ponto de apoio para higiene e descanso, essas opções mais em conta podem ajudar a poupar um bom dinheiro durante o passeio.

Refeições

Opte por um regime de hospedagem que inclua, ao menos, uma das refeições no valor da estadia. Assim, você garante, no mínimo, uma boa refeição completa no dia e consegue administrar o custo das demais.

Você não precisa deixar de comer na viagem para poupar dinheiro, mas pode economizar ao trocar o restaurante requintado por um lanche em um food truck, por exemplo. Desse modo, você ainda ganha tempo com a comida de rua para poder visitar alguma atração que deseja conhecer.

Por outro lado, é importante evitar petiscos extras, como o sorvete e a água de coco da praia, que costumam ser mais caros que em outros estabelecimentos. 

Se for possível usar o frigobar do quarto da hospedagem, compre bebidas, iogurtes e frutas para esses lanchinhos fora de hora. Essas comidinhas podem segurar a fome e ajudar a poupar uns trocados.

Compras

Você não precisa levar “lembrancinha” para toda a família e nem sentir culpa por isso! Pense que o objetivo da sua viagem é conhecer um novo local, descansar e se divertir. As compras são supérfluas perto das memórias que você estará criando.

Texto: Gear Seo