Investimento em criptomoedas: guia para iniciantes

Investir é um negócio arriscado, mas ter dinheiro trabalhando para você pode trazer muita satisfação ao longo do tempo. O investimento em criptomoedas oferece grandes mudanças em ambas as direções, apresentando ganhos incríveis e perdas esmagadoras como resultados plausíveis.

Comparadas às ações tradicionais, as criptomoedas são altamente voláteis e exigem que os investidores se preparem para todos os tipos de cenários.

Vendas em pânico e compras FOMO nem sempre ajudam a longo prazo, e se pensarmos em quão nítido é o mercado, ter uma visão geral ajuda a suavizar as coisas.

Se você está procurando conselhos sobre como investir em criptomoedas a longo prazo, você está no lugar certo.

Como investir em criptomoedas: um breve guia

Investir em criptomoedas parece complicado do lado de fora, mas algumas partes são bem simples, já que você só tem que fazer duas coisas.

A pesquisa é necessária primeiro para determinar quais criptomoedas são as melhores para investir. Essa é a parte mais difícil.

Você analisará o histórico de preços, estudará o white paper de cada moeda para avaliar seu nicho no mercado e tentará levar em consideração eventos como regulamentações governamentais e apoio de celebridades.

Alguns investidores estão procurando criptomoedas de longo prazo, enquanto outros preferem novas moedas, porque seu valor pode explodir rapidamente. 

Escolher criptomoedas para investir é uma arte e ciência. Há uma razão pela qual até os profissionais mais experientes perdem dinheiro em determinados investimentos.

Depois de decidir investir e identificar quais moedas e tokens valem o esforço do investimento em criptomoedas, é hora de construir seu portfólio.

Felizmente, na KuCoin você pode obter a cotação de criptomoedas, comprar e vender criptomoedas tão facilmente quanto comprar roupas ou reservar uma viagem online.

Quão arriscado é investir em criptomoedas?

O mercado de criptomoedas é infame e imprevisível, cria milionários com tanta frequência quanto falidos. Não existe uma maneira objetiva única de investir em algo, apenas a intuição e a experiência o ajudarão a vencer.

Quanto você deve investir depende de quanto você está disposto a perder, e isso deve ajudá-lo a ter uma ideia do nível de risco envolvido em entrar no espaço das criptomoedas.

Ao contrário do mercado de ações tradicional, aqui não há entidades centralizadas responsáveis, isso torna a indústria de blockchain tentadora a criar golpes, e é essencial investir apenas em projetos que você considera realmente valiosos.

Só porque um ativo cresce em valor não significa necessariamente que vale alguma coisa.

De ICOs fraudulentas a esquemas descaradamente seduzidos e abandonados, há muito a aprender para entender melhor o mercado de criptomoedas. Você não pode pensar em capitalizar um projeto se não puder identificar seu valor.

Onde comprar criptomoedas?

Os ativos digitais podem ser comprados, vendidos e, em alguns casos, armazenados em uma Exchange de criptomoedas na web. Os dois principais tipos são bolsas de estudo centralizadas e descentralizadas.

Abordagem simples

As exchanges centralizadas (CEX) funcionam da mesma forma que as exchanges tradicionais, o que facilita a negociação. Um livro de pedidos é usado para coletar dados de lances e pedidos e para combinar os traders em tempo real.

O preço de um ativo é calculado a partir da relação oferta e demanda no livro de pedidos.

Uma abordagem técnica alternativa

As exchanges descentralizadas (DEX) passaram por várias iterações na última década. As tentativas de usar um sistema de registro de pedidos levaram a mercados de ações lentos e ilíquidos e à falta de incentivos para os criadores de mercado.

Com a introdução dos Automated Market Makers (MAs), os DEXs modernos representam uma ameaça para alguns CEXs estabelecidos. Em vez de usar um livro de pedidos para rastrear informações de oferta/solicitação, as DEXs atuais bloqueiam pares de tokens em fundos de liquidez.

A relação entre as fichas do fundo determina seu preço, e os provedores de liquidez são recompensados ​​pela participação e pela contribuição para a liquidez do fundo.

Que tipo de bolsa usar?

Existem prós e contras para ambos os tipos de bolsas. Ao contrário das DEXs, as trocas centralizadas são muito rápidas e confiáveis, com várias equipes de especialistas dedicados trabalhando para otimizar a plataforma para a melhor experiência possível.

Além disso, enquanto os CEXs são alvos mais altos para hackers, eles são mais propensos a compensá-lo por perdas em comparação com uma bolsa de estudos sem uma autoridade central.

A maioria dos CEXs também possui rampas integradas para trocas fiduciárias e de criptomoedas, mas algumas exchanges descentralizadas também oferecem esse recurso.

Como saber se vale a pena o investimento em criptomoeda?

Uma análise cuidadosa é necessária ao investir em qualquer coisa. Para negócios de longo prazo, os investidores usam três métodos principais para avaliar o benefício e o risco de um determinado ativo.

A análise fundamental avalia o valor intrínseco de um símbolo ou projeto no contexto do mercado atual e suas perspectivas.

A maioria dos projetos publica um white paper antes que o token seja vendido, e estudar esse documento pode fornecer uma perspectiva mais profunda sobre o que o ativo oferece. 

Certifique-se de levar em consideração fatores econômicos e outros eventos específicos do setor, como reduzir pela metade o fundo Bitcoin a cada quatro anos.

Como ganhar dinheiro com criptomoedas?

O objetivo de qualquer investimento é trazer dinheiro para você, e investir em criptomoedas pode fazer o dinheiro funcionar de várias maneiras, como:

  • Mineração;
  • Trade;
  • Empréstimo;
  • Forma de pagamento.

Criado como uma solução para os problemas de escalabilidade e consumo de energia do algoritmo Proof of Work do Bitcoin, o mecanismo Proof of Stake se infiltrou em muitos projetos baseados em blockchain nos últimos dois anos.

Em vez de recompensar os mineradores por fazer cálculos para validar transações, o Proof of Stake recompensa os participantes por fornecer liquidez, bloqueando tokens em um contrato inteligente.

Dependendo do token, as recompensas variam de uma taxa percentual anual variável para o token de aposta, até tokens completamente novos que podem ser apostados ainda mais.

O financiamento descentralizado (DeFi) é um ninho para protocolos de partes interessadas, e os ataques do ano passado levaram milhões a vazar de várias plataformas DeFi – elas não estão exatamente onde você gostaria de manter suas economias por toda a vida.

Algumas implementações do stake permitem que os participantes da rede deleguem seu stake para nós de validação, alcançando um equilíbrio entre segurança e risco. Outros oferecem recompensas por simplesmente manter ativos em sua carteira por períodos fixos.

Essa capacidade de apostar offline a partir de uma carteira de hardware torna as coisas muito mais atraentes para investidores de longo prazo, fornecendo segurança contra agentes mal-intencionados na rede.

A abordagem mais sensata para o lucro a longo prazo para a maioria das pessoas pode ser o acúmulo de um portfólio diversificado de criptomoedas e o reequilíbrio periódico do portfólio.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *