ambientais

Conheça alguns cuidados ambientais essenciais nas construções

Se há alguns anos, proteções ambientais e a sustentabilidade não eram uma fonte de preocupação humana, hoje isso foi alterado. Devido a questões como aquecimento global, extinção de espécies e aumento do nível do mar, as pessoas estão cada vez mais conscientes da importância de viver uma vida mais verde.

Uma das principais consequências dessa mudança psicológica é uma mudança na atitude desses indivíduos como consumidores: se antes a relação custo-benefício era a mais importante, hoje em dia não é incomum privilegiar empresas com essa relação como um de seus pilares, mesmo que isso signifique pagar um pouco mais.

A boa notícia é que, independentemente do setor da sua empresa, você pode personalizar completamente suas atividades reduzindo o impacto na natureza. Continue lendo e conheça algumas dicas de ouro para a engenharia civil:

Contrate um consultor ambiental

Com quem exige que as empresas tenham uma atitude mais verde na hora de fazer negócios, cada vez mais profissionais estão optando por fazer negócios. Por sua vez, a busca por aconselhamento ambiental através de uma empresa prestadora de serviços ambientais nunca foi tão simples.

Em caso de construção civil, é muito importante que um especialista nesse campo seja adicionado à equipe habitual de trabalho, como trabalhadores, engenheiros e arquitetos. De fato, será capaz de propor soluções para minimizar os impactos ambientais causados ​​pelos hábitos de trabalho, não apenas melhorando a reputação da empresa com o público e também reduz a oportunidade de aplicar aplicativos.

Sancionamento do poder público.

Entre as tarefas podem ser feitas como:

-pesquisar leis jurídicas e regulamentos da indústria;
-dicas sobre requisitos legais;
-propondo alternativas mais verdes do que procedimentos e materiais;
-monitoramento de gestão de resíduos.

Desta forma, garante que seu trabalho seja mais verde em todos os aspectos.

Uso de componentes reciclados

O impacto ambiental causado pelo próprio processo construtivo também é significativo, mas outro aspecto deve ser levado em consideração: o impacto resultante da produção dos materiais utilizados na construção. A boa notícia é que pode ser reduzido de uma forma muito simples: basta optar por utilizar materiais reciclados sempre que possível.

Esta medida, embora simples, foi tão eficaz que, aos poucos, tornou-se lei. Um bom exemplo é a norma dos estados de São Paulo e Rio de Janeiro, que estipula o uso apenas de lonas de borracha reciclada nas estradas asfaltadas. Afinal, embora o preço de comprar piso de borracha possa ser um pouco mais caro considerando esse tipo de produto, o impacto ambiental gerado por sua produção é muito menor.

Cuidado com as intervenções no solo

Não há nada mais falso e superficial do que pensar que a engenharia civil se limita à construção de estruturas e, portanto, edifícios: além disso, também é necessário realizar certos procedimentos no campo, para verificar se é adequado para o projeto a ser desenvolvido e fazer as edições necessárias para o efeito.

Um dos procedimentos mais utilizados para certificar que o local irá garantir a segurança e estabilidade do edifício é o projeto de drenagem. Como o nome indica, é uma solução para desviar líquidos que possam estar no solo, e assim prejudicar a estabilidade da estrutura construída sobre ela.

No entanto, isso deve ser feito sempre com cuidado: erros podem levar à contaminação de fontes de água, como águas subterrâneas, que, por sua vez, tendem a causar sérios impactos ambientais. Portanto, a intervenção deve ser bem planejada e deve contar com uma investigação de solo contaminado.

Gestão de resíduos líquidos

A maioria das empresas gera algum tipo de resíduo. No caso da construção civil, é preciso ter cuidado também após o término da construção: quando o imóvel estiver pronto e em uso, é preciso encontrar uma forma de destinar os resíduos gerados pelos moradores, ou pelo cidadão comum local.

Felizmente existem outras formas para chegar a isso. Uma delas é prever a instalação de uma estação de tratamento de efluentes, também conhecida como Ete físico químico. Como o nome indica, irá neutralizar os resíduos, permitindo assim a reutilização ou mesmo a devolução à natureza.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *