Conforto e proteção: entenda e escolha os tecidos da sua roupa

Vestir-se bem, com uma peça com o caimento ideal e confortável, e na medida certa é algo que muita gente espera na hora de comprar uma roupa nova. No entanto, muitos desses benefícios só são alcançados quando utilizamos o tipo ideal de tecido nas nossas peças.

Dos tecidos mais simples, como o algodão, até os tecidos tecnológicos, independente de ser uma roupa comprada pronta ou feita sob medida por uma costureira, o que vai diferenciar as peças, além dos modelos, é o material usado na sua produção.

Por conta disso, vale muito a pena conhecer os principais tecidos usados para produção de vestuário. Dessa forma, você terá mais facilidade na hora de distinguir o que é mais adequado para o seu gosto, sua necessidade e para o tipo de roupa a ser usada.

O guia básico dos tecidos

Independente se você está interessado em costura ou simplesmente se você quer aprender um pouco mais sobre os gêneros de tecidos mais adequados para cada roupa, ter um conhecimento mínimo sobre os materiais usados nelas é algo que faz muita diferença, mesmo quando você compra uma peça pronta.

Quando você conhece minimamente os tecidos, consegue diferenciar um material mais natural ou mais sintético, assim como poderá saber que peça será mais fresca para os dias quentes e mais aquecida para os dias frios. 

As diferenças percebidas entre os tecidos ocorrem devido a dois fatores: a sua composição e técnica usada na produção. Quanto à composição há os chamados tecidos naturais, como algodão, linho, fibra de coco e seda, e sintéticos, como elastano, poliéster e poliamida.

Em relação à técnica, os tecidos vão se distinguir pelo trançamento: os fios são trançados de modo transversal, formando uma espécie de tela; indicado para tecidos planos sem elasticidade. Lado a lado: os fios são entrelaçados na horizontal, tendo mais elasticidade. A espessura do fio é outro fator que os diferenciam.

Sabendo desses aspectos iniciais, partimos para os tecidos e o uso ideal para cada um deles.

Algodão

Tipo de tecido mais comum na maioria das roupas, o algodão é ideal para a produção de vários gêneros de peças. Seus maiores benefícios são a leveza, o toque macio e ser transpirável. Camisas sociais, camisetas e roupas de cama são peças super indicadas para serem feitas com algodão por conta do conforto extra.

Linho

O linho é um dos mais antigos na história da humanidade, assim como o algodão. Ele é também considerado um tecido nobre, podendo aparecer em peças como calças e bermudas sociais, bem como em terninhos. Esse tecido é indicado para ser usado nas épocas mais quentes do ano por ser bem levinho.

Quem deseja se manter bem aquecido, pode apostar na lã, um tecido feito com pelo de ovelha. Seu maior benefício é a alta proteção térmica, sendo muito apreciado durante o inverno. Apesar de ser um tecido mais grosso, a lã é super confortável, principalmente, para ser usada na produção de roupas de frio. 

Malha

Já a malha é um tecido totalmente sintético ideal para peças de roupas que exigem maior movimentação, por possuírem boa elasticidade e transpiração. Há uma variedade extensa de peças que podem ser feitas com ela, desde camisetas, calças, saias, pijamas até mesmo roupas infantis. 

Poliéster 

O poliéster é outro tecido completamente sintético produzido a partir de derivados do petróleo. Por ser um ótimo isolante térmico, é super usado em roupas de frio. Ele também é utilizado em conjunto com outros tecidos, como o algodão e o linho, de modo a oferecer maior durabilidade nas peças.

Conhecendo o básico dos tecidos fica mais fácil encontrar a peça de roupa certa para você, sem perder o conforto e a proteção necessários.

Texto: Gear Seo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *