Como manter a reforma dentro do orçamento?

Construir ou reformar é significado de dor de cabeça para muitos. 

Afinal, exige muito planejamento, além de se preocupar com a lista de compras, fornecedores e orçamentos que não acabam nunca. 

Além disso, por mais que você faça as contas, o dinheiro sempre acaba antes do esperado. 

Justamente por isso, é essencial contratar um profissional especializado, além de realizar o projeto estrutural

Portanto, confira no post de hoje algumas dicas importantes para que você consiga manter sua reforma dentro do orçamento.

1. Projeto

O projeto é fundamental para garantir que tudo saia dentro do esperado, além de evitar dores de cabeça. 

O mais recomendado é contratar um profissional de arquitetura ou designer de interiores para criar um projeto personalizado para seu espaço e utilizar a planilha do memorial descritivo oferecida por ele. 

Mas, além disso, caso você esteja construindo ou pretende realizar uma reforma na estrutura, é mais do que obrigatório contratar um engenheiro para ajudar no projeto. 

Ele irá realizar o cálculo estrutural para garantir total segurança da construção e dos usuários, além de evitar prejuízos para construtora.

Portanto, veja o gasto com os profissionais como um investimento, visto que com todo o conhecimento e experiência, irão promover uma grande economia ao final da obra.

2. Faça orçamentos

Outra dica importante é solicitar orçamentos, ou seja, pesquisar preços de materiais e mão-de-obra. 

Eles são fundamentais para saber quanto vai gastar desde o início e aqui você deve orçar todos os itens que serão utilizados, como parafusos, buchas, pregos, entre outros. 

O ideal é pesquisar em mais de uma loja e fornecedor, procurando produtos semelhantes e de mesma qualidade para garantir a opção mais barata. 

Além disso, atente-se aos prazos e formas de pagamento, assim como itens em promoção. Anote tudo em uma planilha e compare posteriormente.

3. Organize o pagamento

Muitas lojas oferecem desconto para pagamento à vista e você deve usar essa vantagem a seu favor. 

No entanto, pague adiantado somente para empresas de confiança e que não oferecem nenhum risco de prejuízo em relação à entrega do material. 

Além disso, avalie também se o pagamento à vista é realmente uma vantagem para o seu caso, pois às vezes pode ser mais interessante pagar parcelado para ter fluxo de caixa para outras compras.

Em relação aos prestadores de serviço, nunca pague adiantado. Negocie com o profissional o pagamento somente ao final do serviço ou por empreitadas, em casos de obras maiores.

4. Se possível, faça tudo de uma vez

Assim como as lojas oferecem descontos à vista ou oferecem melhores condições para compras em maior quantidade, isso também acontece com os prestadores de serviço. 

Ou seja, quando contratados todos de uma vez, os serviços saem proporcionalmente mais baratos. 

Mas, caso não seja possível fazer tudo de uma vez, você pode contratar um crédito específico para construção e reformas. 

Agora, opte por essa alternativa apenas se os juros de crédito forem menores que as vantagens oferecidas pelos pagamentos à vista.

5. Evite distrações

Depois que você já pensou em tudo o que deseja em seu projeto e escolheu as opções com melhor custo-benefício, é essencial manter-se na linha. 

Isso porque, qualquer alteração pode causar um grande rombo em seu orçamento. 

É claro que você pode mudar de ideia, mas se quer realmente ficar dentro do orçamento é essencial manter o foco. 

Sendo assim, estabeleça suas prioridades e siga o cronograma, pois muitos itens podem ser adquiridos mais pra frente.

Então, agora que você sabe mais sobre como manter sua reforma dentro do orçamento, já pode começar seu planejamento. 

Lembre-se que ter um profissional especializado ao seu lado será uma grande vantagem não apenas para te ajudar a economizar, como também agilizar o processo e garantir que tudo saia dentro do esperado. 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *