Como iniciar um trabalho de automação de marketing?

O número de clientes em potencial para o seu negócio é imenso. Além disso, todos eles estão na internet, só esperando para conhecer seu produto ou serviço. 

Mas, para que isso aconteça, o marketing digital deve ser o seu grande aliado. Ademais, é preciso adotar as estratégias certas para atrair e conquistar clientes – é aqui que entra o trabalho da automação de marketing.

 É a automação que ajuda as empresas a atingirem seus potenciais clientes em grande escala, porém de forma personalizada.

Se interessou e quer saber mais sobre a automação de marketing e, principalmente, como começar a implementá-la na sua empresa? 

Então, acompanhe este artigo. Boa leitura e, claro, bons negócios!

O que é automação de marketing?

Automação de marketing é a prática de utilizar softwares e outras tecnologias, para atuar em grande escala, aumentando assim os resultados de uma empresa.

Com ela, é possível identificar, acompanhar e atuar de forma personalizada, melhorando o relacionamento com seu público e, consequentemente, as vendas.

Quando falamos em estratégias de marketing digital, estamos tratando de uma série de atividades e processos necessários para trazer o resultado esperado. 

Então, quanto maior a empresa, maior o número de contatos e dados que devem ser gerados e trabalhados. 

Com a utilização da automação neste segmento, alguns pontos são melhorados, por exemplo: a redução do trabalho manual, o aumento da produtividade e a diminuição do tempo gasto nas tarefas.

Com a automação de marketing é possível, entre outras coisas:

  • Agendar postagens nas mídias sociais;
  • Disparar emails específicos, de acordo com dados ou ações dos contatos;
  • Avaliar quais contatos estão interessados e prontos para a equipe de vendas;
  • Mensurar os resultados das campanhas.

Como iniciar um trabalho de automação de marketing?

Interessante, não? Mas, agora, é preciso saber por onde começar o trabalho de automação de marketing da sua empresa.

Então, confira os próximos tópicos: 

1. Defina as estratégias e métricas

A primeira coisa que deve ser feita é definir quais serão os objetivos, estratégias e métricas para a avaliação dos resultados. 

Será preciso também, definir qual você quer atingir e como.

2. Escolha uma plataforma de automação de marketing 

Existem diversas plataformas disponíveis no mercado, então, na hora de escolher, prefira aquela que seja mais completa e integrada.

 Uma plataforma de automação de marketing completa e eficiente deve realizar as seguintes tarefas: 

  • Envio de e-mail marketing;
  • Gerenciamento de conteúdo;
  • Análise de SEO;
  • Criação de fluxos;
  • Criação de landing pages.

3. Estabeleça quais elementos irão determinar e classificar o lead 

A partir das características do perfil, tais como profissão ou idade, por exemplo, deve-se definir se um lead está apto ou não para entrar no fluxo de nutrição.

Além disso, também é importante escolher/definir qual material será ofertado para esse público.

4. Defina como será feita a interação e qual conteúdo será oferecido

É preciso definir o que irá ser feito: e-mail, contato por meio das redes sociais ou personalizar as propriedades do software em cada etapa, até o momento final da compra.

Defina também que tipo de conteúdo será enviado, em uma sequência lógica, que faça com que o lead avance no processo de compra. 

5. Implemente o fluxo de nutrição

Defina as  regras e a periodicidade de interação com os leads. Dessa forma, será possível criar uma rotina com os seus consumidores.

6. Meça a eficiência do processo e faça melhorias se for necessário

Use as métricas já definidas para medir a efetividade das ações, então, se caso  for necessário, tome providências. 

Um dos itens que pode ser modificado, é o ajuste de desempenho da sua campanha de marketing. 

Dicas para ter sucesso com a automação de marketing

A automação de marketing deve ser útil ao consumidor. Entregue conteúdo relevante e crie, assim, um relacionamento de valor com seu cliente ou potencial cliente. Isso faz mais efeito que qualquer discurso de vendedor.

Não pressione o seu lead: se você pressiona seus clientes com e-mails pesados, provavelmente, você irá perdê-los. 

A automação de marketing deve fazer parte de uma estratégia maior de inbound marketing. Pois, ela é apenas uma ferramenta no processo, não substituindo a estratégia global de atração e nutrição de leads.

Dê suporte para que o cliente faça outras compras, além da primeira. O trabalho do marketing não termina depois da primeira venda, é preciso continuar se comunicando com o cliente.

Por fim, não hesite em procurar a ajuda de quem entende do assunto. 

Se tudo isso parece complicado demais para você, procure um profissional ou agência de marketing digital para te orientar, como a Site Bem feito. Assim, você não perde as milhares de oportunidades de negócio que estão na internet.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Site Bem Feito, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *