Inovação no marketing X tipos de metodologias

Nos últimos anos, vivemos uma verdadeira transformação digital que, dentre outras coisas, mudou a forma como as pessoas — e também as marcas — se comunicam. Nesse contexto, a inovação no marketing tornou-se uma necessidade latente. 

As novas tecnologias trouxeram grandes oportunidades para as empresas inovarem a forma como sua marca se comunica. Assim, adotar estratégias mais modernas e diversificadas pode ser a chave para envolver seu público-alvo de maneira mais efetiva.

Confira a seguir 6 tendências de inovação no marketing que podem ser adotadas na estratégia de sua empresa!

1. Marketing “figital”

Marketing “figital” (junção de físico + digital = figital) é um termo recentemente, cunhado para representar a integração entre os métodos mais tradicionais de marketing e as mais recentes experiências de marketing digital.

Essa metodologia segue a mesma linha da estratégia omnichannel, na qual há uma fusão dos diferentes canais de venda, oferecendo uma experiência exclusiva e unificada aos clientes. 

Um bom exemplo dessa metodologia são ações envolvendo showrooms modernos, com painéis interativos, sensíveis ao toque, onde o cliente encontra todas as informações de determinado produto. 

Ao mesmo tempo, o produto se encontra presente no mesmo espaço, para que o cliente possa tocá-lo, senti-lo, etc.

Esse tipo de inovação no marketing é muito efetiva para empresas cujo público-alvo são os millennials e a geração z. Esses consumidores são fascinados por tecnologia e prezam por uma experiência completa na hora de conhecer um produto.

2. Relevância Cultural

Tornar-se viral na sociedade atual impulsionada pela Internet é extremamente benéfico para gerar um alto envolvimento da marca com seus consumidores. 

O desenvolvimento de estratégias de marketing culturalmente relevantes é uma das melhores maneiras de uma marca alcançar esse objetivo e, por sua vez, gerar um burburinho significativo na mídia.

As marcas podem se manter culturalmente relevantes, acompanhando o que está acontecendo no momento. Acompanhar as discussões recentes, os assuntos do momento ajudam a criar campanhas que serão compartilhadas e discutidas em diferentes meios, aumentando as projeções da ação.

Um bom exemplo de ação onde consta esse tipo de inovação no marketing foi a campanha que a P&G lançou recentemente nos Estados Unidos, para sua linha de barbeadores Gillette. Nela, é abordado o tema da masculinidade tóxica, um tema cada vez mais discutido na atualidade.

O lançamento da campanha também se deu em um momento oportuno, apenas alguns dias após a Associação Americana de Psicologia ter anunciado que a “masculinidade tradicional” é prejudicial à sociedade.

O resultado da ação não poderia ser outro: o vídeo tornou-se um viral instantâneo, sendo compartilhado em diversas redes sociais e tornou-se objeto de discussão em diferentes meios. Para você ter ideia, somente o vídeo no canal oficial da empresa no youtube já conta com mais de 33 milhões de visualizações.

3. Inteligência Artificial em Mídia Social

Existem inúmeras aplicações de Inteligência Artificial (IA) no marketing, mas talvez seu campo de atuação mais efetivo seja a mídia social. 

A IA é capaz de fazer tudo, desde categorizar Tweets, coletar insights dos consumidores e até analisar padrões de mídia social para ajudá-lo a capitalizar sobre os tópicos de tendências no momento certo.

Acessar as personas e os comportamentos de compra de seus clientes nunca foi tão simples. Utilizando a IA de mídia social, sua empresa pode agregar de maneira fácil e eficiente esses dados do consumidor, para que os profissionais de marketing possam tomar decisões mais direcionadas e estratégicas.

Com todas as informações disponíveis quase que de forma instantânea, os profissionais de marketing não precisam gastar tempo obtendo dados e realizando pesquisas em diferentes grupos. Eles podem se concentrar mais em criatividade e estratégia.

Outro ponto positivo desse tipo de inovação no marketing é que sua empresa pode utilizar os dados coletados para ações em diversos meios. Ao aprender mais sobre seu público-alvo, você terá condições de definir as estratégias mais eficazes para a sua marca.

4. Internet das Coisas (IoT)

A Internet das Coisas (IoT na sigla em inglês) refere-se a qualquer dispositivo que se conecta à Internet e que também pode ser conectado a outros dispositivos para troca de informações. Hoje, a lista de dispositivos de IoT inclui de fones de ouvido a smartphones, veículos e até algumas máquinas de café.

A tecnologia IoT permite que as empresas vejam exatamente onde os usuários estão em sua jornada de compra, o que as ajuda a aprender mais sobre seus clientes.

Em termos de inovação de marketing, essa é uma alternativa que oferece um universo de possibilidades e seu potencial de crescimento é enorme. Segundo projeções, até 2025 o Brasil terá mais de 100 milhões de dispositivos conectados.

Logo, a inovação no marketing utilizando a IoT é um processo inevitável que tende a encontrar grande efetividade à medida em que o número de dispositivos conectados aumenta.

5. Chatbots

Estamos constantemente sendo bombardeados com diferentes tecnologias de IA que podem ser plenamente utilizadas para a inovação no marketing das empresas.

Se você está comprando on-line e tem alguma dúvida sobre uma venda em andamento ou uma falha no site e não tem como obter uma resposta rápida, há uma boa chance de você desistir e abandonar o carrinho completamente.

Os chatbots são atendentes virtuais “humanizados” que oferecem suporte ao cliente 24/7. Esse tipo de solução é capaz de aprender a partir da interação com as pessoas. Ou seja, com o passar do tempo ela pode prever as perguntas dos clientes antes mesmo que eles precisem fazê-las.

Essa solução também pode ser usada para ações de marketing, sugerindo produtos que sejam do interesse do cliente, com base em seu perfil, suas buscas recentes e muito mais.

6. Marketing de influência

Hoje, os influenciadores digitais são uma verdadeira febre, principalmente entre os millennials e a geração z. Logo, uma boa forma de alcançar esse público é utilizar essas pessoas que contam com milhares (ou milhões) de seguidores nas redes sociais para divulgar sua marca.

No entanto, esse tipo de inovação no marketing precisa de cuidado. É importante analisar os posicionamentos adotados pelo influencer e verificar se eles estão alinhados com os valores da marca.

Também é importante criar conteúdos que estejam em linha com o perfil do influencer, a fim de manter o público engajado mesmo em vídeos patrocinados.

Finalmente, é de suma importância analisar se as pessoas que consomem os materiais do influencer são, em grande parte, o público-alvo de sua empresa. Somente assim esse tipo de ação será efetiva. 

 

Texto: NL

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *