Abertura de empresa nos EUA é uma boa ideia?

Já falamos bastante aqui no blog sobre o cenário empresarial nos Estados Unidos e ainda há muito o que falar quando o assunto é se abrir uma empresa nos EUA é uma boa ideia!

Bem, antes de tudo, abrir uma empresa em um país que você não viveu e não conhece a legislação não é tão simples, por exemplo, nos EUA onde tudo o que o governo mais quer é que você invista e abra um novo negócio.

Sendo assim, contar com uma ajuda especializada é primordial para que o seu negócio decole! 

E não só isso, se sua intenção é morar nos Estados Unidos, uma assessoria de qualidade pode fazer toda a diferença para um processo de migração sem solavancos e dor de cabeça.

Mas bem, vamos voltar ao assunto principal!

Então, abrir uma empresa nos EUA vale a pena?

Seja para internacionalizar o seu negócio ou começar algo do zero, os Estados Unidos estão de portas abertas para aqueles que não têm medo de trabalhar. 

O mercado norte-americano é bastante amigável aos negócios e abri-los realmente não é algo de outro mundo. 

Os Estados Unidos da América é um dos lugares do mundo onde você conseguirá abrir uma empresa em questão de dias, diferente do Brasil que o processo pode levar meses, por exemplo.

Segundo o Word Bank Group em seu relatório Doing Business 2018 os EUA estão sexto lugar no ranking de facilidade de fazer negócio, enquanto o Brasil está em 125. Os números falam por si só!

Então, pensar nos EUA como a próxima parada das suas ideias empreendedoras pode não ser somente algo mais simples, mas também aproveitar uma das economias mais estáveis do mundo, além de outras vantagens.

Os benefícios de abrir uma empresa nos EUA

Curioso para descobrir um pouco mais sobre esses benefícios? Vamos nos aprofundar um pouco mais neles agora!

1. Legislação incentivadora

Como disse mais de uma vez acima, os EUA têm uma das políticas de abertura de empresa mais simples do mundo, afinal de contas eles querem que você injete dinheiro na economia.

Mas não é só isso, há outras formas de incentivo como legislação tributária justa e que estimulam os crescimentos dos negócios. Um exemplo prático é a tributação unificada que não separa as taxas da corporação e do sócio.

E quando o assunto é imposto o estado da Flórida se destaca, sendo um dos motivos pelo qual abri minha empresa em Orlando!

Não somente, a responsabilidade limitada faz com que seja muito mais difícil que seus bens pessoais sejam atingidos por algum problema que aconteceu somente na empresa.

2. Maior facilidade de migração

Abrir uma empresa nos EUA não te garante o Green Card, a menos que você invista uma boa quantia nos famosos centros regionais, mas como nem todos têm mais de meio milhão de dólares “sobrando”, vamos pelo método mais tradicional.

Existem uma série de vistos que que podem ajudar aqueles que estão empreendendo nos EUA, estes são:

  • Vistos B-1 e B-2;
  • Visto L-1;
  • Visto E-2;
  • Visto EB-5.

Vistos B-1 e B-2

É uma espécie de negócio/turismo onde o indivíduo pode sair e entrar dos EUA quando quiser em seu período de validade (a confirmar). 

O objetivo é que ele converse com sócios, participe de reuniões, no entanto, ele não poderá ser contratado por uma empresa, por exemplo.

Visto L-1 

É utilizado para a transferência de um gestor a conduzir uma subsidiária com colaboradores localizada em solo americano.

Visto E-2

Permite que indivíduos com cidadania de países que fazem parte da lista do Tratado do Comércio com os Estados Unidos possam entrar no país para investir.

O Brasil não faz parte, mas temos inúmeros conterrâneos com dupla nacionalidade europeia.

Visto EB-5

Esse é o sonho de muitos, aqui é necessário realizar investimentos com requisitos específicos em troca do Green Card. O investimento é de 1 milhão de dólares.

3. País extremamente organizado

Quando falam sobre o American Way of Life muitas vezes esquecem de falar em como esse país é organizado! 

Se você fizer tudo como está descrito nos sites do governo, é muito improvável que você se depare com qualquer dificuldade com a documentação. 

Sem falar que esse tipo de gestão deixa o seu profissionalismo extremamente afiado! Os padrões são extremamente altos então, qualquer ideia que você tenha, necessitará ser refinada. 

Chegou a cair no clichê da lapidação do diamante, por isso não se engane, as ideais que dão certo nos EUA são de padrão internacional.

4. Estar na maior economia do mundo

Estar dentro de uma das maiores economias do mundo quer dizer que tem muito dinheiro rolando. Desde indivíduos até mesmo de investidores atraídos pelas inúmeras oportunidades que podem ser encontradas.

E uma economia forte, também implica em uma moeda valorizada. Ganhar em dólar e ter maior poder de compra e qualidade de vida, sendo, muitas vezes, uma das principais razões pelas quais as pessoas vão para esse país.

Pensando em abrir uma empresa nos EUA?

Se você está nos preparativos para abrir uma empresa nos EUA, certamente também está interessado em viver no país. 

E se eu te disser que você pode contar conosco para preparar toda a burocracia por você? 

Desde o visto correto até mesmo te ajudar a encontrar o imóvel ideal para você e sua família, seja para adquirir (o que é um ótimo investimento) ou mesmo alugar!

Curioso? Fale conosco e descubra tudo o que podemos fazer por você!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *