8 exemplos de copy para vendas para usar já!

Textos incisivos, uso de verbos imperativos, gatilhos de vendas na medida certa: é hora de aprender com os melhores exemplos de copy para vendas! Pois bem, sabemos o quão desafiador pode ser o desenho de uma estratégia comercial nos dias de hoje. 

Afinal, o antigo “boca a boca” vendedor-comprador foi substituído por um percurso recheado de pontos de contato que, em muitos casos, sequer envolvem a presença física da equipe de vendas. 

Mas ainda assim, é possível estruturar conteúdos enriquecedores e capazes de “fisgar” potenciais consumidores com base em sensações como a urgência, a escassez, a confiança e a personalização. 

No artigo de hoje, listamos 8 exemplos de copy para vendas atrelados aos principais gatilhos mentais de vendas e te ensinamos como utilizar cada um deles ao longo da trajetória do consumidor. Boa leitura! 

O poder do copywriting 

Nos tempos atuais, dizemos sem medo que grande parte dos passos dados ao longo da jornada de compra acontece graças à influência do copywriting — e praticamente sem a interferência direta de um agente de vendas! 

Dizemos “interferência direta” porque, na verdade, o copywriting reproduz, com palavras bem empregadas em pontos de contato ao longo da jornada, o discurso do bom vendedor. 

Ele tem o objetivo de persuadir, convencer e estimular por meio de palavras, “pescando” o interesse do lead e despertando, nele, a sensação de que aquele produto ou serviço pode, de fato, solucionar seu problema. 

E tem mais! Um bom copywriting, pensado de forma personalizada, pode ser decisivo para a tomada de decisão de compra. Uma pesquisa, realizada pela Dragon Search Marketing, mostra que 61% dos consumidores são influenciados por conteúdo personalizado e com boa qualidade gramatical. 

Entendeu o quão estratégico pode ser o conteúdo relacionado ao seu produto ou serviço? Quer ver, na prática, como engajar leads e convertê-los com textos perspicazes e efetivos? Então continue a leitura para conhecer nossa lista de exemplos para vendas. 

8 exemplos de copy: use os gatilhos de vendas a seu favor 

É quase impossível falar sobre exemplos de copy para vendas sem mencionar o valor estratégicos dos gatilhos de vendas

Eles representam artifícios utilizados nos discursos comerciais para ativar sensações como:

  • A urgência;
  • A necessidade;
  • A curiosidade;
  • A reciprocidade;
  • A confiança de forma sutil — sem ultrapassar os limites éticos, é claro. 

A seguir, listamos 8 exemplos de copy para vendas e associamos cada um deles a um (ou mais) gatilhos de vendas infalíveis para usar ao longo da jornada do seu consumidor. 

“Últimos dias para comprar com desconto”

O primeiro item da nossa lista de exemplos de copy para vendas não poderia ser outro, se não ele: o gatilho da urgência. 

Muito eficaz, sobretudo quando associado a períodos de grandes promoções, como a Black Friday ou queimas de estoque, o gatilho da urgência desperta no consumidor a sensação de que precisa tomar sua decisão de forma breve, ou perderá condições e descontos oferecidos.

“Poucas unidades disponíveis”

Aliado à urgência, o gatilho da escassez é o segundo mais utilizado por empresas de varejo como um exemplo de copy para vendas. 

Pense com a gente: quantas vezes você passou em frente a uma loja multimarcas e viu um grande aviso com letras vermelhas dizendo “últimas unidades”? 

E mais: quantas vezes este aviso te estimulou a entrar na loja e adquirir o produto? Ainda que você não o tenha feito no fim das contas, é inegável: este gatilho mexe com as nossas emoções.  

“Condições exclusivas para você”

Quem não gosta de um tratamento VIP ao longo da jornada de compra? Saber que algo foi pensado e desenvolvido com exclusividade é um bom exemplo de copy para vendas. 

Quando for elaborar um discurso — especialmente para leads que já percorreram as etapas iniciais do funil de vendas — , busque inserir informações que evidenciem o quanto você conhece o potencial cliente e suas demandas específicas. 

“O melhor serviço do segmento” 

Investir em uma boa estratégia de marketing de conteúdo é um dos exemplos de copy para vendas porque ajuda a fortalecer o argumento da autoridade. 

Segundo este gatilho mental, empresas e marcas que se posicionam como destaques em seu segmento tendem a captar mais clientes, sobretudo porque sentem a confiança agregada à credibilidade da marca. 

Porém, lembre-se: este argumento, assim como os demais exemplos de copy para vendas mostrados neste artigo, deve ser usado de forma ética e responsável. Não confunda gatilhos mentais com mentiras para vender mais! 

“Produto exclusivo e diferenciado”

Destacar as qualidades daquilo que você vende é um dos exemplos de copy para vendas que indicamos para quem busca impressionar os potenciais clientes. 

Isso porque o ato da compra geralmente está atrelado à busca pelo bem-estar, ou pelo prazer que aquele produto ou serviço pode oferecer. 

Se, ao pesquisar por soluções para seu problema, o cliente encontra benefícios que vão além da aquisição de um bem material, o ímpeto pela compra se multiplica e as chances do fechamento da venda crescem de forma exponencial.

“Como solucionar o seu problema em X minutos/ X passos”

Agilidade, efetividade e praticidade são 3 gatilhos ativados em uma só tacada com este exemplo de copy para vendas. 

Ao transformar a redução de esforço ou a efetividade do serviço ou produto em algo tangível (como o tempo ou um percurso de atividades), você aproxima o potencial cliente do resultado ofertado, e faz com que ele projete a solução em sua vida de forma mais realista. 

“Veja o que dizem os nossos clientes”

Utilizar a prova social em exemplos de copy para vendas pode potencializar as conversões em até 20%, segundo o portal Unbounce. Isso significa que consumidores desejam ver e ouvir o que dizem outros consumidores da marca para, só então, tomarem suas decisões.

Sendo assim, e sempre que possível, associe a imagem do seu produto ou serviço a consumidores satisfeitos ou mesmo a celebridades cuja imagem inspire confiabilidade e inspire novos compradores a se tornarem fiéis consumidores do seu produto. 

“Vimos que você se interessou por X produto. Que tal ver este aqui também?”

O uso de estratégias de copy como a deste exemplo ativa o gatilho da coerência. Neste caso, ao oferecer produtos semelhantes àquele que o potencial cliente consultou em um primeiro momento, a empresa mostra que compreendeu o perfil deste usuário.

Além disso, a marca mostra que está disposta a tornar sua experiência na loja ainda mais completa, oferecendo outros itens que, de forma coerente, agreguem valor à busca realizada. 

E aí, o que você achou dos nossos exemplos de copy para vendas? Que tal aplicar um deles em sua estratégia comercial e depois nos contar seu resultado? Vamos adorar aprender um pouco mais com a sua experiência! 

Este artigo foi escrito por Júlio Paulillo, Co-founder e CRO do Agendor, uma plataforma de CRM que atua como um assistente pessoal para equipes de vendas, dando visibilidade e controle na gestão desde o primeiro dia de uso.  

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *