Tecnologia para economizar na conta de luz

Tecnologia para economizar na conta de luz

Embora usemos cada vez mais aparelhos e por mais tempo, a própria tecnologia oferece ferramentas para baixar nossa conta de luz. Desde lâmpadas LED até termostatos e plugs inteligentes, assim, apresentamos seis “gadgets” para ajudar você a economizar dinheiro. 

A tecnologia por vezes é a culpada pelo alto valor da conta de eletricidade. Embora hoje a eletrônica consuma menos eletricidade e os fabricantes estejam colocando cada vez mais ênfase na sustentabilidade de seus produtos, usamos muito mais dispositivos do que antes.

A boa notícia é que a tecnologia também pode ajudar a economizar na conta de eletricidade, e um pequeno investimento inicial pode se traduzir em uma economia significativa a longo prazo. Você só precisa selecionar os produtos e dispositivos certos.

Para começar, o maior efeito será alcançado usando eletrodomésticos com a maior eficiência possível (etiqueta energética A). Alguns exemplos que mais pesam no consumo de eletricidade são:

  • A geladeira;
  • A placa de indução da cozinha;
  • A máquina de lavar roupa;
  • A secadora;
  • O esquentador.

No inverno, o aquecimento é um dos responsáveis pela conta de luz chegar tão alta, mas também existem maneiras de conseguir uma temperatura confortável em casa sem gastar mais do que o necessário, e muitos desses produtos são adequados para o verão.

Com essas duas frentes sob controle, essas são algumas das estratégias que podem ajudá-lo a reduzir sua conta de luz:

1 – Aposte na iluminação LED

A troca das lâmpadas de casa por lâmpadas LED pode representar uma economia significativa no final do ano, quando comparativamente à iluminação com lâmpadas incandescentes e halógenas. 

Mesmo que estas lâmpadas sejam um pouco mais caras, é um investimento que lhe oferecerá um retorno muito rápido. Gastou nas lâmpadas, mas em compensação irá poupar energia e pagar menos pela fatura.

As vantagens da iluminação LED, em qualquer caso, não terminam na economia de energia. É uma tecnologia mais versátil para decoração, que também permite brincar com cores e formas.

2 – Pense nos plugues

O stand by é um problema crescente em nossa casa, ou seja, é o “consumo fantasma”, a energia que os dispositivos consomem quando teoricamente estão desligados ou os transformadores que ficam na ficha elétrica.

Uma solução simples para este problema é usar filtros de linha com um interruptor que possamos desligar quando saímos de casa. 

Os plugues inteligentes também podem nos ajudar a economizar mais, controlando o consumo ou sendo ativados apenas quando as tarifas da energia elétrica são mais econômicas.

3 – Economize energia com um termostato inteligente

O excesso de utilização do aquecimento e do ar-condicionado são alguns dos motivos pelos quais sua conta de luz dispara em certas épocas do ano. 

Assim, um termostato inteligente pode ajudar a manter uma temperatura confortável em casa sem gastar muito, regulando a temperatura de acordo com quem estiver em determinado cômodo da casa.

Alguns destes aparelhos são capazes de aprender as rotinas de toda a família e ajustar a temperatura da casa de acordo com isso. 

Isso significa, por exemplo, que durante os dias manterão uma temperatura mais baixa quando não houver ninguém em casa, e começando a aquecer a casa próximo da hora que a família regresse ao lar.

4 – A automação residencial e o gasto de energia

Impossível não falar de tecnologia sem mencionar a automação residencial, que é uma realidade nos nossos dias. 

Os dispositivos mencionados anteriormente, na verdade estão diretamente ligados à automação residencial, já que podem ser controlados remotamente pelo nosso smartphone, oferecendo conforto, segurança e controle dos gastos de energia.

A ideia de automatizar a nossa casa, tornando-a inteligente, já é possível. Na verdade, grandes empresas estão apostando cada vez mais para digitalizar tudo ao nosso redor. 

O que é certo, é que já oferecem soluções ao mercado para nos dar um acesso mais direto, rápido e confortável às nossas necessidades diárias.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *