academia

Modelos de academia e serviços prestados

Por conta do crescimento de atividades que usam a tecnologia a proporção do sedentarismo vem aumentando.

Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), um a cada quatro adultos são sedentários, chegando a uma porcentagem de até 23% e entre os adolescentes de 11 a 17 anos um a cada cinco são sedentários chegando a um índice de até 81%.

O Brasil se encontra entre um dos países mais sedentários do mundo, e a América Latina a região com mais sedentários do mundo.

Com todos esses dados é possível deduzir que empresas como os fabricantes de equipamentos para academia e as academias são um ótimo negócio a ser trabalhado.

Segundo os dados da Associação Brasileira de Academias (ACAD) houve um aumento considerável do ano de 2013 para 2017 do número de academias, sendo em 2013 a existência de 23 mil e em 2017 por volta de 34 mil empreendimentos.

Se tornando o segundo maior mercado de academias do mundo e favorecendo uma série de produção como a fabrica de aparelhos para academia e outros serviços. Neste quadro, o Brasil fica atrás apenas dos Estados Unidos da América em números de academias.

O setor fitness teve um faturamento médio entre 2013 e 2017 de cerca de US$ 2,4 bilhões e aumento no número de clientes de 7,2 milhões para 9,6 milhões.

Com isto e apesar das nuances do mercado brasileiro, investir no ramo fitness pode ser algo bastante agradável. Este investimento pode ser feito em diversas camadas que vão desde a participação na fábrica de aparelhos de academia até a própria academia em si.

Neste artigo abordaremos sobre as academias e os serviços que podem ser oferecidos

Modelos de academias

Existem alguns tipos de modelos de academia que podem ser constituídas como as:

  • Low cost;
  • Full service;
  • Boutique;
  • Academia de nicho.

Abaixo entenderemos alguns desses modelos que podem ser abertos e conseguir bastante sucesso.

1. Low Cost

Essas academias possuem grande quantidade de equipamentos e possuem aulas mais “livres” de supervisão.

low cost é interessante, pois garante um preço mais em conta por conta do seu estilo de funcionamento e gestão. Mas, lembre-se, o baixo preço aqui é de acordo com os preços dos concorrentes de academias mais completas.

Portanto, low cost não é sinônimo de preço abaixo do mercado, mas, mais em conta do que o restante do mercado. A características desse tipo de academia é a baixa manutenção e a pouca mão de obra.

2. Full service

Essas academias possuem um equilíbrio entre custo e benefício e tem uma grande oferta de modalidade e uma grade de horário ampla.

Existem um mix de serviços nessas academias como atividades aquáticas, danças, aulas coletivas, treinos funcionais e ergonometria.

Oferecem também serviços como guarda de equipamentos e entregam para os clientes toalha academia personalizada.

3. Boutique

Essas academias transcendem o conceito da academia de ser um lugar apenas de prática de exercícios.

Assim, essas academias apresentam conceitos de conforto e luxo com atendimento de beleza, relaxamento e até mesmo serviços de saúde. Deste modo, esse tipo de academia com spa pretende ter um público com mais.

4. Academia de nicho

A academia de tendência é um segmento no setor fitness. Elas se reconhecem por ser segmentadas ou para um público-alvo específico ou então para uma modalidade.

Um dos exemplos de academias de nicho são os studios funcionais e o atendimento adulto-idoso.

Por serem segmentadas é preciso ter um atendimento bem especializado com atenção aos detalhes como equipamentos adequados e espuma acústica para estúdio para isolar sons.

Pontos fundamentais para uma academia

Além dos tipos de academia é importante que estas sigma alguns aspectos importantes e que trataremos aqui.

O primeiro deles é a higiene. Por ser um local de treino corporal é necessário que todos os cantos sejam higienizados como vestiários, piscinas e equipamentos.

Também é importante investir em armários individuais, funcionários bem preparados e materiais que não acumulem poeira ou bactérias.

Fundamental o investimento em uma equipe capacitada e treinada para que deem o aporte para os clientes criando confiabilidade e consolidando o empreendimento.

Portanto, ter uma academia pode ser um bom negócio, para isto é necessário definir o tipo de academia que será investido e então cuidar da higiene, ter uma boa equipe e oferecer serviços diferenciados como danças, venda de alimentos com rótulos adesivos para alimentos e esportes não convencionais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *