História do bronzeado: saiba mais sobre o sucesso da pele dourada

Quando o verão chega com seus dias quentes e ensolarados, muitas pessoas já se preparam para bronzear a pele.

O tom dourado que os raios solares fornecem é um desejo de homens e mulheres de todas as idades, regiões e classes sociais. E não é de hoje: registros apontam que o bronzeado passou a ser uma tendência ainda nos anos 1920.

Se naquela época a pele bronzeada só era obtida por meio da exposição direta ao sol, hoje é possível conseguir o resultado com produtos específicos e seguros, como o autobronzeador, e processos controlados, como o bronzeamento artificial.

Tomar sol e bronzear a pele são planos sempre presentes nas suas férias de verão? Saiba mais sobre como começou o sucesso dos tons de pele dourados, quais as tendências atuais de bronzeamento e como conseguir o resultado de forma segura e saudável.

Surgimento e evolução da tendência

No ocidente, há inúmeros registros de que a pele clara e sem sinais de exposição ao sol foi considerada padrão de beleza durante a maior parte dos séculos. Isso porque as divisões sociais dos períodos associavam a pele clara ao status social mais alto das classes dominantes. Guarda-sóis, chapéus e roupas de manga longa eram usados para manter a pele alva.

A pele escura e bronzeada, por sua vez, era associada a classes inferiores que, responsáveis pelos trabalhos braçais no campo e nas cidades, não podiam escapar do sol. Esses grupos podiam ser compostos por pessoas que já tinham pele escura, como negros escravizados trazidos ao Brasil durante a colonização, e por pessoas brancas ou amarelas, cuja pele se tornava mais escura pela exposição recorrente ao sol.

Esse símbolo começa a mudar nos anos 1920, quando a estilista francesa Coco Chanel voltou bronzeada de uma viagem de iate para Cannes, no litoral da França. Um dos maiores ícones da moda do século XX, Chanel deu o primeiro impulso para que a pele dourada se tornasse um desejo entre atrizes e modelos da época.

Com a tendência, a estilista desenvolveu a primeira linha de bronzeadores. Loções com o intuito de facilitar o bronzeado chegaram ao mercado, junto a receitas caseiras, com manteigas e pigmentos naturais, óleo de bebê e até refrigerantes à base de cola. A síntese da vitamina D, realizada pelo sol e descoberta durante a primeira metade do século XX, também impulsionou o desejo pela pele dourada.

Outro fator explica o sucesso do bronzeado nas décadas seguintes. Após a 2ª revolução industrial, o padrão de trabalho foi fundamentalmente alterado nas cidades, com trabalhadores passando boa parte de sua jornada dentro das edificações. A pele bronzeada deixa, então, de ser associada a trabalhos braçais e passa a ganhar status positivo: sinônimo de dinheiro e tempo para férias e lazer.

Essa ideia se manteve durante o restante do século XX e início do século XXI, sendo a pele bronzeada uma tendência de moda principalmente durante os anos 1970 e 1980. No início dos anos 2000, contudo, dermatologistas, médicos e pesquisadores identificaram a exposição excessiva ao sol como um dos principais fatores para o câncer de pele.

A partir disso, o bronzeado se manteve como um desejo estético, mas com consciência a respeito dos malefícios da exposição intensa aos raios solares. Além disso, foram desenvolvidas novas formas de conseguir a pele dourada sem a necessidade de tomar sol.

Como conseguir o bronzeado de forma segura

Além de proporcionar o bronzeado à pele, tomar sol é importante para garantir a síntese de vitamina D, que garante a saúde dos ossos e dentes, além de prevenir doenças como depressão, diabetes e câncer. Sabendo disso, é necessário se atentar à forma correta de tomar sol e se bronzear, para garantir a saúde da pele.

Os horários recomendados para a exposição solar são antes das 10h00 e após as 16h00, segundo orientações da Sociedade Brasileira de Dermatologia. A exposição somente deve ser feita após a aplicação de protetor solar com, no mínimo, FPS 30.

Atualmente, uma das formas mais seguras de conseguir o tom dourado é usar autobronzeadores, produtos que deixam a pele mais escura sem prejudicá-la da mesma maneira que os raios solares fazem.

Texto: Gear Seo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *