Hérnia de disco: conheça a condição e como tratar

A dor nas costas é um problema bastante comum, mas você sabia que ela pode indicar algo mais sério e que precisa de cuidados especiais? A hérnia de disco é uma condição de saúde que causa dores em diversos pontos da coluna. 

O problema é bastante sério e, muitas vezes, negligenciado, visto que muitos acreditam se tratar de uma dor comum na lombar ou na região do pescoço. 

Quando diagnosticada, a hérnia de disco exige cuidados com a saúde física e atenção aos hábitos, como fazer acompanhamento fisioterapêutico, realizar exercícios físicos, realizar troca de colchão e até procurar por um travesseiro confortável

Pois bem, saiba mais sobre o problema e como tratá-lo a seguir:

O que é hérnia de disco?

A hérnia de disco é um problema de saúde que acomete a coluna vertebral ao desgastar os discos que a compõem. Com isso, o indivíduo acaba sentindo fortes dores na coluna, sendo esse o principal sintoma de que algo não está certo. 

O disco vertebral é uma estrutura muito importante, pois é o que separa e protege as vértebras da coluna. São eles que garantem menor impacto ao andar e ao pular, por exemplo. 

Quando acontece o abaulamento desse disco, ou seja, quando é desgastado ou quando o núcleo gelatinoso de seu interior “vaza” para fora, toda a estrutura da coluna acaba sendo prejudicada. 

Por conta desses problemas no disco, os nervos do local também acabam sendo pressionados ou afetados, causando as dores e a dormência. 

Tipos de hérnia de disco e seus sintomas

Existem três tipos de hérnia de disco, que podem causar dores em diferentes locais, sendo eles os seguintes:

  • Hérnia de disco cervical: região do pescoço;
  • Hérnia de disco torácica: região do meio das costas;
  • Hérnia de disco lombar: região mais baixa das costas.

As dores podem também surgir em mais de um local da coluna, quando o caso da hérnia de disco não foi tratado e acabou avançando. Cada local da coluna também apresenta sintomas diferentes entre si, mas a dor é o maior indicativo. 

Por exemplo, os sintomas da hérnia de disco cervical são:

  • Dor na nuca;
  • Dificuldade em mexer o pescoço;
  • Dificuldade em levantar os braços;
  • Fraqueza;
  • Dormência nos braços, cotovelos, mãos e dedos;
  • Formigamento nos braços, cotovelos, mãos e dedos.

Enquanto a hérnia de disco torácica ou lombar se trata dos seguintes sintomas:

  • Dores nas regiões mais baixas;
  • Dificuldade em se movimentar;
  • Dificuldade em abaixar e levantar;
  • Dormência nos glúteos e pernas;
  • Sensação de queimação no nervo ciático.

Para entender ainda mais sobre o tema, bem como sanar todas as possíveis dúvidas que ainda existam, continue com a leitura do artigo!

Quais são as causas do problema?

Afinal, o que causa a hérnia de disco? De maneira geral, a má postura é o principal responsável por esse problema, porém, é considerada uma causa silenciosa. 

Isso porque a má postura afeta os discos vertebrais gradualmente, o que pode não causar dor em um primeiro momento, fazendo com que a condição apareça “de repente”. 

Além da má postura, carregar objetos muito pesados no dia a dia também pode causar o problema, pois acaba sobrecarregando os discos vertebrais e toda a coluna. 

Por isso, pessoas que trabalham carregando peso ou que se movimentam muito sem o controle da postura têm mais tendência em apresentar o problema e em idade mais jovem, cerca dos 40 anos. 

Alguns exemplos são empregadas domésticas, pedreiros, serventes, pintores, motoristas, entre outros.

Diagnóstico: entenda mais sobre

Ao sentir dores na região da coluna, é indicado procurar um médico ortopedista para realizar os exames necessários. O diagnóstico da hérnia de disco pode ser feito a partir dos sintomas e de um exame físico. 

Também pode ser solicitado raio-X, tomografia e ressonância magnética para descobrir qual disco vertebral está desgastado e também para que seja feita a avaliação de sua situação. 

Assim, o médico consegue indicar o tratamento correto e avaliar em qual estágio da condição o paciente se encontra. 

O tratamento para hérnia de disco

Depois do problema diagnosticado, é preciso realizar o tratamento de maneira séria para que as dores sejam controladas. Saber exatamente qual disco está danificado pode contribuir com esses cuidados e melhorar a qualidade de vida do paciente. 

Entre os principais tipos de tratamento, é possível citar:

  • Uso de analgésico e anti-inflamatórios;
  • Realização de fisioterapia;
  • Alongamentos diários;
  • Exercícios físicos de baixo impacto;
  • Osteopatia (alinhamento das vértebras com profissional); 
  • Exercícios como pilates e RPG, com ajuda de fisioterapeuta. 

Além desses tratamentos, também é indicado que o indivíduo mude um pouco sua rotina e seus hábitos. Por exemplo, comer de maneira equilibrada pode evitar sobrepeso, que também piora as dores ao forçar a coluna. 

Trocar o colchão e o travesseiro, acertar altura de pias e mesas e realizar movimentos corretos ao abaixar, sentar e levantar, também contribuem com o tratamento e com um maior bem-estar no dia a dia.  

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *