Como montar um currículo para porteiro

Como montar um currículo para porteiro?

Atualmente, a profissão de porteiro vem se tornando uma profissão muito valorizada, e consequentemente cresceu a busca por bons profissionais que saibam trabalhar nesta área. 

E com isso, somente os melhores conseguem a vaga de emprego.

As leis trabalhistas brasileiras tiveram algumas mudanças, e hoje mesmo os porteiros fazem parte da mesma família de ocupações, existem grandes diferenças entre porteiro e vigia.

A nova legislação brasileira estabelece os direitos e deveres do profissional da portaria de forma mais clara, tais como a classificação por campos de trabalho: porteiro de edifício, porteiro industrial, atendente de portaria em hotel, porteiro de locais de diversão, entre outros, além da contratação de porteiros que são concursados por órgãos municipais, estaduais ou federais.

Hoje em dia, se encontra cada vez mais anúncios que pedem para que candidatos à vaga de porteiro envie os seus currículos. 

Então, por causa disso você deve saber preparar muito bem o seu currículo para o cargo de porteiro, e por isso preparamos este artigo para lhe ensinar sobre como montar um currículo ideal.

Como o contratante não tem como saber sobre a sua ação durante o dia, o CV deve ser muito bem trabalhado e valorizado. 

Ele deve mostrar as suas competências, capacidades, a forma que você presta o seu serviço, entre outras coisas que cabem ao porteiro saber.

Então, pegue caneta e papel, e anote tudo que vamos lhe passar.

Vamos lá?

Formato

Indicamos que o formato seja em currículo cronológico, com ele você poderá apresentar as suas informações de um jeito que todos os contratantes estão mais acostumados a verificar. 

É muito comum que todos os contratantes procurem saber quando e onde você já trabalhou, para então entender sobre as suas experiências profissionais.

Não pense que você deve fazer toda a formatação do seu CV por conta própria. Basta procurar por um modelo que corresponda ao currículo cronológico, e assim preencher.

Design

Um bom currículo não precisa ter um super design, basta ser simples. Com um design de currículo simples será o suficiente para fazer com que os contratantes tenham uma ótima impressão ao seu respeito e ao seu trabalho. 

Pois, o visual um pouco mais neutro e bem organizado vai ajudar a destacar as suas informações.

Você até pode escolher um modelo com alguns detalhes coloridos, porém, sempre se lembre que o conteúdo será mais importante do que o visual em si.

Foto

Atualmente, não é muito comum colocar foto no currículo. Se por um acaso o contratante precisar de alguma fotografia, ele provavelmente pedirá.

Seções principais

Todo currículo deve ter:

  • Dados Pessoais
  • Experiência Profissional
  • Educação

Dentro da seção de dados pessoais, você não precisa incluir vários números como: RG, CPF, carteira profissional, entre outros documentos. 

Algo que jamais pode faltar é o seu nome completo, a sua idade, data de nascimento, e-mail, número para contato e endereço. 

Dentro da seção experiência profissional você deve constar todos os seus trabalhos e na seção de educação você deve constar sobre o seu ensino médio, algo que agrega muito no currículo são os Cursos Online.

Experiência profissional

Uma das primeiras coisas que o contratante busca em um currículo é sobre as experiências do candidato na área da portaria, se já teve outro emprego e o grau de escolaridade.

E por causa disso, a seção de experiência profissional faz total diferença na conquista da vaga de porteiro.

Educação

Se por um acaso você não tem ensino médio completo, jamais pule esta seção.

Sempre na seção de educação coloque o seu grau de escolaridade com o ano que ele foi concluído e o nome da escola com o bairro e cidade.

Se tiver, inclua ainda nesta seção os seus cursos e certificados que sejam altamente relevantes para o emprego de porteiro, tais como treinamento específico em segurança no trabalho, primeiros socorros, informática, entre outros.

É sempre importante destacar sobre os seus cursos profissionalizantes, e algo que pode agregar para a sua contração é o Curso de Porteiro em seu currículo.

Objetivo

Por fim, é indicado fazer um resumo profissional contendo no máximo 3 frases com a finalidade de incluir os seus objetivos profissionais. 

E assim convencer o contratante de que você tem o que será preciso para conquistar o tão sonhado emprego.

A seção de objetivo é algo opcional, porém, recomendamos fortemente que você a preencha usando algumas palavras-chaves e verbos de ação.

Dica Bônus

Você sempre deve estar adaptando o seu currículo para então aproveitar cada vez mais as oportunidades que podem aparecer.

Como por exemplo, se determinada empresa procura por um porteiro que saiba fazer alguns reparos pequenos para os moradores, mencione no seu currículo sobre a sua experiência em serviços de manutenção, se você tiver, jamais minta em seu currículo. 

Outro exemplo, se a empresa procura por porteiros que tenham conhecimentos em informática, mencione no seu currículo que você tem familiaridade com a mesma. 

Depois de ler sobre como montar um currículo para porteiro, você ficou com alguma dúvida?

Se você gostou do que leu, comente aqui embaixo sobre essas dicas e mande os resultados logo a seguir. 

E se quiser compartilhe essas dicas com os seus amigos e amigas.

Grande abraço e até o próximo post!

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Certificado Cursos Online, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre cursos, educação e diversos segmentos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *