O que você precisa saber antes de abrir um açougue?

O açougue é um estabelecimento comercial voltado à comercialização de diversos tipos de carnes.

O consumo de carnes é extremamente amplo na cultura brasileira, sendo que esse tipo de negócio, também conhecido como casa de carnes, pode ter uma lucratividade bastante alta.

Todavia, antes de abrir um açougue, diversas coisas devem ser levadas em contas.

O que considerar antes de abrir um açougue?

Conhecer o público que atenderá, antes de abrir o negócio, é primordial e, além disso, é importante definir as estratégias em relação à concorrência, já que os açougues têm, além de outros estabelecimentos do mesmo ramo, as redes de supermercados, como concorrentes diretos.

Escolher cuidadosamente a localização de um açougue é imprescindível para o bom desempenho do negócio.

Para isso, além de locais de fácil acesso, é necessário que esteja localizado em um local com bastante circulação de pessoas.

Além disso, é interessante sediar o açougue em um local onde não haja concorrência pela existência de outros açougues nas proximidades.

Quais equipamentos são necessários?

Para abrir um açougue, os equipamentos do estabelecimento são um investimento necessário, que devem ser escolhidos com determinados cuidados para garantir o melhor funcionamento do negócio.

O balcão de açougue é um expositor de carnes frigorífico que ajuda a conservar as carnes, realizando a sua refrigeração, ao mesmo tempo em que exibe os produtos aos clientes, ajudando também a armazená-los, de forma correta.

Esse tipo de balcão é bastante diferenciado e específico para negócios envolvendo carnes. Por sua capacidade de refrigeração, é conhecido também como freezer balcão.

Outro equipamento imprescindível para o funcionamento de um açougue, e que também é específico para esse tipo de negócio, é um equipamento que facilita os cortes de carne para a posterior venda.

Sem esse equipamento, não seria possível o funcionamento normal de um açougue, já que o corte de carnes é uma parte essencial no desempenho do estabelecimento. Trata-se da mesa para cortar carne em açougue.

Os açougues costumam ter muitos equipamentos compostos por vidros, pois é um material que facilita a transparência do local, que é muito importante para um açougue, exibindo claramente as carnes oferecidas e dando ao público também a possibilidade de ver o funcionamento do local de uma maneira generalizada.

É por isso que uma fachada de vidro comercial combina com esse tipo de negócio.

Além disso, o vidro, por si só, sempre costuma trazer um ar de sofisticação aos locais que optam por apostar nesse material para a composição de seus equipamentos e fachadas, por exemplo, proporcionando um efeito visual bastante positivo.

Cuidados com o local

As empresas do setor alimentício devem sempre ter uma cautela máxima em relação à higiene e à segurança alimentar.

Afinal, nesse sentido, todo estabelecimento comercial desse setor deve prestar contas aos órgãos públicos, devendo, primeiramente, receber a Vigilância Sanitária no local para conferir se este está pronto para efetuar o seu trabalho com as condições adequadas.

A Vigilância confere aspectos como a qualidade dos produtos, bem como a data de validade, a maneira como estes são manipulados e preparados, os trajes e uniformes usados pelos empregados, os espaços reservados para a manipulação dos alimentos, as condições higiênicas do local, entre muitas outras coisas.

A segurança alimentar deve ser garantida desde o transporte dos produtos, e é para isso que o lacre numerado é útil, para garantir que o transporte e o armazenamento de carnes sejam feitos com toda a segurança e da maneira mais apropriada para chegar até o cliente de forma a garantir proteção e qualidade.

Antes de abrir um açougue, é necessário garantir a legalização do seu funcionamento, recebendo todas as fiscalizações necessárias, principalmente, por parte da Vigilância Sanitária, além do pagamento de impostos e o alvará de funcionamento.

Assim, garante-se também o recebimento de direitos.

É possível concluir que um açougue é um excelente negócio, que pode oferecer bastante lucro, mas também é preciso se atentar, afinal, os custos para esse tipo de negócio são bastante altos.

O investimento para abrir um açougue não é baixo, por isso, é necessário o máximo de cuidado para evitar transtornos com um tipo de negócio que, na verdade, deve ser bastante benéfico.

Os passos para abrir um açougue e garantir o sucesso do negócio estão listados a seguir:

  • Conhecer o mercado e o público com o qual irá lidar;
  • Escolher uma boa localização;
  • Garantir a legalização do açougue;
  • Investir nos melhores equipamentos;
  • Definição de estratégias contra a concorrência;
  • Contratação de funcionários.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *